Donos de estabelecimentos abertos devem cumprir fielmente medidas de combate à pandemia, alerta Vigilância Sanitária

O estabelecimento que descumprir as regras do decreto poderá pagar multa e o local poderá ser interditado e o proprietário poderá ser responsabilizado judicialmente.

1712
Foto: Reprodução

A coordenadoria da Vigilância Sanitária em Vilhena emitiu um ofício nesta quarta-feira, 13 de janeiro, para reforçar que o fiel cumprimento das medidas sanitárias de combate à pandemia de coronavírus, dentro de estabelecimentos comerciais, é de responsabilidade do dono do comércio, que deve tomar as providências e gerir os recursos necessários que assegurem a condição de segurança de seus clientes e para que os colaboradores de seu empreendimento possam cumprir as medias sanitárias para a execução de suas atividades profissionais, como: uso obrigatório de máscaras, medidas de prevenção ao contágio, circulação de clientes, uso de EPI’s (viseira, facial ou óculos de proteção), higienização e sinalização. O estabelecimento que descumprir as regras do decreto poderá pagar multa e o local poderá ser interditado e o proprietário poderá ser responsabilizado judicialmente.

Comerciante deve cumprir todas as medidas de higiene e distanciamento social

Na terça-feira, 12, a Prefeitura de Vilhena alterou o artigo que trata dos estabelecimentos que processam alimentos no decreto municipal que restringe o funcionamento de atividades para conter a propagação do coronavírus. Assim, ficou autorizado que restaurantes, churrascarias, praças de alimentação de shoppings centers, galerias, lanchonete, cafeterias, padarias, pizzarias, pastelarias e similares podem vender e servir comida em suas dependências.

O novo decreto permite que a praça de alimentação do Park Shopping Vilhena volte a funcionar.

Os comerciantes autorizados a voltar a funcionar são obrigados, por decreto, a “prezar pelo afastamento social, pela manutenção da distância mínima de cento e vinte centímetros entre clientes, entre as mesas e locais de uso comum, e limitar o ingresso de pessoas a cinquenta por cento da capacidade máxima do estabelecimento”.

Covid-19 em Vilhena

A cidade tem 926 pessoas em estágio ativo da doença. Nesta quarta-feira, 12, o boletim epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde (Semus) de Vilhena informou um novo óbito de paciente com coronavírus. Há 37 pessoas internadas com covid-19 em isolamento na Central de Atendimento à Covid-19 e Hospital Regional.

A taxa de ocupação de leitos para covid-19 é de 90,2% (sendo 100% na UTI e 84% nas Enfermarias).