Bruno Gagliasso revela ter sido hostilizado pela polícia

'Meu carro com a minha família foi parado pela polícia na estrada de Búzios e trataram a gente como bandido', contou o ator

460


Na noite de quinta-feira (21), Bruno Gagliasso resolveu desabafar em seu perfil no Twitter relembrando quando foi hostilizado por conta de seu posicionamento político. O ator citou o tratamento que recebeu de policiais numa rodovia durante uma viagem.

“Meu carro com a minha família foi parado pela polícia na estrada de Búzios e trataram a gente como bandido. ‘Os lacradores devem estar cheios de drogas no porta malas'”, disse Bruno. “Tinha brinquedo da minha filha e roupa da minha família”.

O ator lembrou que, antes das eleições presidenciais, Giovanna Ewbank cansou de pedir para não fazer novos pronunciamentos temendo outras retaliações.

“Durante meses, a Giovanna implorava para eu não falar nada sobre política porque ela não aguentava mais os ataques dessa gente imunda. E, agora, eles estão no poder”, escreveu.

Publicidade


Bruno revelou também que se sente muito mal com as fake news que foram publicadas nas redes sociais a seu respeito: “Recebi um e-mail de uma senhora que era minha fã há anos pedindo que deixasse de apoiar a pedofilia”.
“Passamos meses tentando entender o que estava acontecendo, sendo difamados. Postaram fotos minhas com meu amigo de mais 18 anos dizendo que ele era meu namorado e a Gio era ‘fachada’ para esconder a pederastia”, lembrou.

 

 

FONTE: JUÍNA NEWS

Comentários