5745

VILHENA: Preso oferece R$ 5 mil para agente penitenciário deixar entrar material ilícito

Acusado de tentar subornar cumpre pena por roubo e tráfico de drogas

Na tarde deste sábado (19) um agente penitenciário do Centro de Ressocialização Cone Sul de Vilhena denunciou um preso após receber um bilhete pedindo para ele facilitar a entrada de material ilícito na unidade prisional. Na tentativa de subornar o servidor do Estado, o encarcerado Geferson dos Santos Galdino, vulgo “Cachorrão”, ofereceu R$ 5 mil em dinheiro para que ele deixasse entrar um carregador solar de celular e um rádio.

A proposta foi feita por meio de uma mensagem escrita em um pedaço de papel e entregue ao agente. O diretor da penitenciária explicou que assim que o servidor recebeu o bilhete denunciou a situação para a administração. A reportagem do Vilhena Notícias teve acesso ao conteúdo da carta. Confira abaixo:

“Tenho 5 mil reais em mãos para nós fecha um corre, de um rádio e um carregador solar. Se o senhor fechar só passa o número que vai chegar uma pessoa em você e vai te passar o rádio e o dinheiro. Se não quiser fechar só rasgue esse ‘bereu’ [como é chamado pelos próprios presos um recado ou bilhete trocado entre eles] e não me atrase.”

Por oferecer a propina Geferson dos Santos foi denunciado por corrupção ativa. Ele cumpre pena por roubo e tráfico de drogas.

Comentários