Demitido de fazenda, peão é preso por ajudar criminosos a furtar moto do patrão

Hilux do fazendeiro também estava na mira dos bandidos, diz polícia

3681
Foto: Renato Spagnol

A Polícia Militar de Vilhena prendeu nesta quarta-feira, 1º de abril, um rapaz de 20 anos suspeito de participação no furto de uma motocicleta. Segundo a polícia, Luan A. S. Rangel foi demitido de uma fazenda na região de Nova Conquista e no período que cumpria o aviso prévio ajudou criminosos a furtar uma motocicleta do dono da fazenda. Em troca, Luan ganharia um revólver de calibre 38 de uma facção criminosa.

A polícia chegou até Luan depois que o fazendeiro recebeu informações que o funcionário estaria andando armado na fazenda e poderia ter participado do crime. Os policiais foram até a propriedade rural e após interrogar o suspeito descobriram que ele, além de ajudar os bandidos no furto da moto, fez disparos de arma de fogo dentro da fazenda. A arma não foi encontrada, mas a polícia descobriu que Luan e outros dois homens também planejavam furtar uma caminhonete Hilux do dono da fazenda.

Em depoimento à polícia o peão disse que a motocicleta foi levada para a região de Pimenteiras do Oeste para ser trocada por drogas. Já a Hilux, quando fosse furtada, seria levada para a cidade boliviana Pedro Juan Caballero, onde seria trocada por drogas. Ao ser trazido para a delegacia de Polícia Civil, Luan disse que não participou do furto e que tinha apenas repassado informações sobre os veículos aos criminosos. Ele foi preso e trazido para a carceragem da Unisp. A Polícia Civil irá investigar a participação dele com o grupo criminoso responsável pelo furto.

Comentários