5850

Acusado de matar e tentar esquartejar corpo da ex em Chupinguaia é preso no Mato Grosso

Está sob o poder da polícia do Mato Grosso Luan Wudarski do Nascimento, 23, acusado de matar por asfixia e tentar esquartejar o corpo da ex-companheira Anna Karolyne dos Santos, 19, em julho deste ano no município de Chupinguaia, Cone Sul de Rondônia. O acusado estava foragido desde o dia 12 de julho, quando a Justiça de Rondônia decretou a prisão preventiva.

A Polícia Civil declarou ao Vilhena Notícias que Luan se apresentou no dia 18 de setembro espontaneamente em uma delegacia na cidade de Alto Garças, no Mato Grosso. Agora, o Poder Judiciário de Rondônia deverá pedir ao estado vizinho a transferência do acusado.

 

Polícia indicia Luan Wudarski por morte da ex

Publicidade

A Polícia Civil concluiu que a jovem Anna Karolyne foi morta por asfixia. O inquérito foi concluído no dia 31 de julho. O laudo da necropsia apontou que ela foi asfixiada e, em seguida, atingida por cortes no pescoço e no braço. Segundo as investigações, o ex-marido, Luan Wudarski do Nascimento, cometeu o crime e tentou esquartejar o corpo, para escondê-lo. Luan está foragido da Justiça.

 

Crime

Um homem, de 50 anos, chamou a PM na madrugada de um domingo. Ele contou aos militares que o filho, Luan Wudarski do Nascimento chegou à casa dele pedindo para que cuidasse da filha, pois havia matado a mãe da criança.

Em seguida, Luan fugiu em uma motocicleta e o pai não acreditou que ele estava falando a verdade. Mesmo assim, o homem acionou a PM e foi com os militares até o endereço da mulher. Ela já estava morta e apresentava duas perfurações no pescoço.

Comentários