Policial é morto e duas pessoas ficam feridas após tiroteio em conveniência de posto de combustíveis de Vilhena

Tiroteio aconteceu pouco depois da meia noite desta segunda-feira, 10.

12725
Policial penal André Borges Mendes (foto). Crime foi registrado na conveniência do posto Cavalo Branco que fica na área central de Vilhena.

O policial penal André Borges Mendes, de 36 anos, foi morto a tiros na madrugada desta segunda-feira, 10 de agosto, em Vilhena. De acordo com a Polícia Militar, um amigo da vítima, de 26 anos, e uma garota de 16, também foram feridos após disparos de arma de fogo.

Conforme a PM, o policial e um grupo de amigos estavam ingerindo bebidas alcoólicas e ouvindo música no pátio da conveniência do posto Cavalo Branco, na avenida Major Amarante, área central da cidade, quando um homem chegou ao local de bicicleta e abriu fogo. A vítima foi ferida por três vezes nas costas e, antes de cair, sacou sua arma e abriu fogo contra o suspeito, mas não conseguiu alvejá-lo. A pistola Glock 380 que o policial carregava não foi encontrada na cena do crime. O criminoso fugiu.

Um amigo do agente penal foi alvejado na perna esquerda. Um exame de balística deverá apontar de qual arma saiu o projétil que o atingiu.

Veículo da vítima e um segundo automóvel ficaram furados de bala.

A terceira vítima é uma garota de 16 anos. Ela estava no local com outras pessoas e foi baleada no pé direto quando entrava em um carro para ir para casa. Segundo testemunhas, ela teria sido baleada pelos tiros disparados pelo policial penal. A Polícia Civil diz que apenas o exame de balística poderá confirmar de qual arma saiu do tiro. O veículo ficou perfurado de bala.

Não estão esclarecidas ainda as circunstâncias e a motivação do crime, que deve ser investigado pela Polícia Civil.

Um morto e dois feridos em loja de conveniência de posto de combustíveis.

Proibida a circulação de pessoas depois das 23 horas

Em Vilhena permanece em vigor o decreto municipal que impõe toque de recolher após às 23 horas e também que prevê restrição do horário de funcionamento do comércio local. As medidas foram estabelecidas para enfrentamento da pandemia decorrente da infecção humana causada pelo novo coronavírus (Covid-19).

O artigo 4º do documento diz que “fica restringida a circulação de pessoas nos seguintes termos”:

Às pessoas em geral, pelas vias, espaços e equipamentos públicos entre às 23 e às 5 horas da madrugada. Bares, distribuidoras de bebidas e lojas de conveniência podem funcionar até às 23h.” Segundo testemunhas, a conveniência do posto já estava fechada no momento do tiroteio.

O principal decreto municipal que trata do combate à pandemia no município tem seu texto mais atualizado disponível em: http://www.bit.ly/decretocovid19vilhena.