455

Carlos Bolsonaro defende agressão de Augusto Nunes a Glenn Greenwald

Foto: Reprodução

Como era de se esperar, o filho de Jair Bolsonaro, o vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ), defendeu a agressão de Augusto Nunes contra Glenn Greenwald durante participação no programa Pânico, da Jovem Pan, nesta quinta-feira (7).

Em sua narrativa de que divulgar o conteúdo da Vaza Jato, que revelou o conluio do ex-juiz Sergio Moro com os procuradores da Lava Jato, foi crime, Carluxo justificou a agressão contra o editor do
The Intercept e prestou solidariedade ao “homem” Augusto Nunes.

 

Publicidade


Comentários