Criadores recebem carneiros para reprodução com genética melhorada em Colorado do Oeste

Entrega dos animais foi feita pelo deputado Ezequiel Neiva no Parque de Exposição do município.

348

Na entrega de ovinos com genética melhorada a produtores de carneiros e ovelhas em Colorado do Oeste, o deputado Ezequiel Neiva destacou o benefício como um ‘momento memorável’ para o município. Com o recurso no valor de R$ 110 mil de emenda parlamentar individual do deputado, a Associação de Criadores de Colorado do Oeste (Asccol) realizou a compra de 11 reprodutores e seis matrizes, para dar início ao projeto de genética melhorada no município.

A entrega dos animais da raça Dorper aos produtores sorteados ocorreu na noite da última sexta-feira (26), no Parque de Exposição. O evento contou com a presença do superintendente  federal da Agricultura em Rondônia  (SFA), Ênio Roberto Milani, e do diretor de políticas agrícolas da Secretaria de Agricultura do Estado, Wiveslando Neiva.

Ezequiel Neiva explicou que o projeto de melhoria genética é pioneiro em Colorado do Oeste. Disse que essa remessa de animais é apenas a primeira etapa do programa. O parlamentar ressaltou que haverá investimento para o aprimoramento e a ampliação do projeto. “Os carneiros ficarão nas propriedades dos beneficiados por cerca de dois anos. Depois, serão repassados a outros produtores, em sistema de rotatividade. As fêmeas ficarão aos cuidados da Asccol, para a reprodução e posterior atendimento a outros produtores”, observou o parlamentar, ao agradecer o governador Marcos Rocha pela liberação do recurso para atender Colorado do Oeste.

Ênio Milani ressaltou ainda, que os criadores de ovinos com interesse em participar desse programa de melhoria genética realizaram cadastro para participarem do sorteio. Disse que 10 reprodutores foram sorteados, e um entregue ao Instituto Federal de Rondônia (IFRO) de Colorado, para que os alunos tenham contato com esse tipo genética.

O diretor de políticas agrícolas da Seagri, Wiveslando Neiva afirmou que o projeto, apesar de estar em fase inicial, já é considerado sucesso. Disse que a repercussão é muito grande em todo o Estado, e que vários municípios têm interesse em participar. “A idéia é expandir o projeto para outros municípios, não só da melhoria genética de carneiros, mas também de touros”, acrescentou.

Wiveslando frisou que a raça Dorper tem habilidade materna exemplar e produção de carne de alta qualidade. Ele destacou que os s reprodutores e matrizes poderão impulsionar a qualidade na criação de ovinos no município.

Informações: AleRO