Vídeo: Fazendeiro que matou onça-pintada e postou vídeo tem prisão decretada

O acusado teve prisão preventiva expedida na sexta-feira (1º) e, até então, é considerado pela polícia como foragido.

3084

O pecuarista que matou uma onça-pintada macho no último domingo (27), em Poconé, e postou vídeos debochando da situação nas redes sociais se chama Benedito Nédio Nunes Rondon.

Ele teve mandado de prisão preventiva decretado nessa sexta-feira (1º) e, agora, é considerado foragido pela polícia.

Benedito matou o animal com um tiro na cabeça. Segundo ele, a onça havia “comido uns 15 bezerros” de sua fazenda. Ele debochou da morte da onça em diversos vídeos postados nas redes sociais.

Em uma das imagens, ele aparece deitado ao lado da onça morta, com uma pistola em cima do corpo do animal. “Aqui não tem mamãe e não tem papai. É lapada do ‘língua preta’”, diz.

Ele continua debochando do animal. “Você não vale b*sta nenhuma. Sua filadaputa”. O homem ainda faz uma fala zoofílica, dizendo que se o animal fosse fêmea, daria uma ‘cochada’.

O caso é investigado pela Delegacia Especializada do Meio Ambiente (Dema) e pela Polícia Civil de Poconé. Nesta sexta-feira (1º), foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão, sendo um na residência e outro na fazenda do investigado.

Vídeo:

 

Fonte: Repórter MT