Rondônia vai receber 13.000 doses da vacina de Oxford

Após ser vacinada, a médica Margareth Dalcolmo disse que hoje é dia simbólico, de muita esperança e sobretudo de muita confiança nas instituições do país.

612

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) liberou hoje (23), para distribuição aos estados, as doses da vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford e pela biofarmacêutica AstraZeneca, importadas da Índia. A logística de distribuição cabe ao Ministério da Saúde. No fim da tarde deste sábado, foram aplicadas as primeiras doses no Brasil.

Receberam a vacina o infectologista do Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas da Fundação Oswaldo Cruz (INI/Fiocruz) Estevão Portela e a médica pneumologista do Centro de Referência Professor Helio Fraga, também da Fiocruz, Margareth Dalcolmo. Os dois atuam na linha de frente da assistência a pacientes com covid-19 desde o início da pandemia e receberam as vacinas no Complexo da Fiocruz, na zona norte do Rio de Janeiro.

Após ser vacinada, a médica Margareth Dalcolmo disse que hoje é dia simbólico, de muita esperança e sobretudo de muita confiança nas instituições do país. Margareth Dalcolmo acrescentou que hoje também é um dia para homenagear os profissionais de saúde do Brasil inteiro que estão de plantão nas unidades de terapia intensiva (UTIs) e nas emergências, cuidando diretamente dos pacientes. VEJA QUANTO CADA ESTADO VAI RECEBER:

 

ACRE – 5.500

ALAGOAS – 27.500

AMAPÁ – 6.000

AMAZONAS – 132.500

BAHIA – 119.500

CEARÁ – 72.500

DISTRITO FEDERAL – 41.500

ESPÍRITO SANTO – 35.500

GOIÁS – 65.600

MARANHÃO – 48.500

MATO GROSSO – 24.000

MATO GROSSO DO SUL – 22.000

MINAS GERAIS – 190.500

PARÁ – 49.000

PARAÍBA – 36.000

PARANÁ – 86.500

PERNAMBUCO – 84.000

PIAUÍ – 24.000

RIO DE JANEIRO – 185.000

RIO GRANDE DO NORTE – 31.500

RIO GRANDE DO SUL – 116.000

RONDÔNIA – 13.000

RORAIMA – 4.000

SANTA CATARINA – 47.500

SÃO PAULO – 501.960

SERGIPE – 19.000

TOCANTINS – 11.500

 

 

FONTE: RONDÔNIA AGORA