Vilhena pode ter 87 demissões confirmadas, segundo grupo de comerciantes

Comercio está fechado há 4 dias.

41752

Após quatro dias de paralisação quase completa do comércio vilhenense, alguns empresários fizeram uma lista de quantos funcionários vão demitir nos próximos dias. Essa lista acabou sendo divulgada amplamente em diversos grupos em redes sociais.

De acordo com o grupo de comerciantes, sem entrada de dinheiro em caixa fica inviável o pagamento de salários no próximo mês, então é preferível demitir os trabalhadores ainda este mês, já que tem dinheiro em caixa para pagar os acertos e não correr o risco de não honrar os pagamentos em abril.

Um dos empresários disse que tentará fazer uma reunião entre o prefeito Eduardo Japonês, a ACIV com vários comerciantes para debater a necessidade de se reabrir o comércio.

Várias sugestões estão sendo dadas, como fazer todos os trabalhadores usarem luvas e máscaras, e uma rígida limpeza do ambiente de trabalho, como balcões, corrimão e maçanetas.

Publicidade


“Isso evitaria boa parte do contágio, ajudaria a saúde a controlar os casos, e a economia do município não iria sofrer tanto”, disse um empresário, na condição de anonimato.

A maioria comerciantes não divulgaram ainda quantos já demitiram ou pretendem demitir com atual crise.

Confira a lista divulgada em vários grupos de Whats App feita pelos comerciantes relativos à demissões que já teriam acontecido ou que podem acontecer até segunda-feira:

01 ✅ Espeto do bob : 06
02 ✅ Queimão: 09
03 ✅ Ligue Certo : 4
04 ✅ Democrata bar : 10
05 ✅ Conveniência da Brigadeiro : 7
06 ✅ Thailla Modas: 1
07 ✅ Proseg Segurança do Trabalho : 1
08 ✅ Castro Lima Advocacia: 2
09 ✅ Zero Grau Shopping: 5
10 ✅ Zero Grau BNH: 7 (40 colaboradores de férias coletivas por 15 dias)
11 ✅ Loja Pesca : 4
12 ✅ polo wear: 03
13 ✅ sabor e saúde : 03
14 ✅ espeto do bob : 06 Pet Shop : 15
15 ✅ CRED Facil e Jussara dpvat 3
16 ✅ Casa das embalagens: 2
17 ✅ Oticas Zini: 3 (06 FÉRIAS coletivas)
18 ✅ SegCred: 02

 

Comentários