Sem uma pata, bicho-preguiça se recupera em “santuário” da Prefeitura de Vilhena

Após perder um membro em ataque de cão, preguiça-real responde bem ao tratamento em espaço preparado pela Semma.

644

Após perder um membro em ataque de pitbull, preguiça-real tem respondido bem ao tratamento. Resgatada pela SEMMA, a preguiça-real que sofreu um ataque de pitbull após entrar em uma residência tem sido monitorada pela equipe de especialistas da Secretaria de Meio Ambiente.

“Foi preparado um espaço onde ela pode ser monitorada como se estivesse na natureza e ela tem respondido muito bem, tem conseguido se locomover e alcançar alimentos mesmo em locais mais altos. Com esses resultados, acreditamos que ela terá condições de voltar ao seu habitat natural. É um trabalho que precisa de muito cuidado, mas que extremamente gratificante ver a evolução dessa preguiça-real”.

ASSISTA: 

 

SEMCOM