4748

Marcos Rocha afrouxa regras de decreto de calamidade e libera atividades, após pressão de empresários

Escolas continuam fechadas...

Foto: Reprodução

O Governador Marcos Rocha anunciou na noite desta quarta-feira, 25 de março, flexibilizar o decreto de calamidade pública para garantir atividade do setor produtivo do Estado de Rondônia.

No pronunciamento em rede social, Rocha informou que por determinação do Corpo de Bombeiros, os supermercados deverão se adequar à nova regra, ou seja, cada pessoa precisa estar em 5 metros quadrados.  Já o secretário da Saúde, Fernando Máximo, afirmou que as aulas continuarão suspensas, haja vista que as crianças são alvos fáceis para contrair o novo coronavírus.

Segundo o Governador, a liberação dos serviços atende pedido da classe empresarial e de setores do próprio Governo.

Inflamados pelo discurso do presidente Jair Bolsonaro (Sem partido) na noite desta terça-feira (24), hoje pela manhã dezenas de empresários rondonienses, de diversos segmentos, divulgaram áudios criticando o fechamento do comércio.

Publicidade


Veja quais serviços foram liberados:
Funerários;
Comércio de produtos que são ligados a agroindústria;
Obras e serviços de engenharia;
Manutenção e limpeza;
Hotéis e hospedaria. Café da manhã deve ser servido nos apartamentos;
Escritórios de contabilidade;
Materiais de construção;
Restaurantes às margens das rodovias e Borracharias.

 

Fonte: Com informações do Rondoniavivo

Comentários