Morre criança de seis anos atingida por explosão de churrasqueira em Vilhena

Nicole passou os últimos 15 dias internada no Hospital Infantil Cosme e Damião, em Porto Velho

9784
Nicole passou os últimos 15 dias internada no Hospital Infantil Cosme e Damião, em Porto Velho. Foto: Álbum de família

A pequena Nicole Vitória Xavier, de seis anos, que teve parte do corpo queimado após a explosão de uma churrasqueira, num encontro de família no último dia 29 de agosto, no residencial Alvorada, em Vilhena, morreu na tarde desta segunda-feira, 14 de setembro, em Porto Velho, com suspeita de ter contraído na unidade de saúde uma bactéria superresistente a antibióticos. A informação é de Cláudio Pereira Xavier, pai da menina.

A churrasqueira explodiu depois que um menino de 11 anos tentou reacender o fogo usando álcool.

A garotinha era a que estava mais próxima da churrasqueira e as chamas provocadas pela explosão atingiram as roupas dela. Cláudio, pai da menina, sofreu queimaduras superficiais nas mãos ao socorrer a filha.

A criança foi socorrida ao Hospital Regional de Vilhena, mas devido à gravidade do caso ela foi transferida de urgência, um dia depois do acidente, para o Hospital Infantil Cosme e Damião, na capital, em uma aeronave.

O corpo de Nicole chegou a Vilhena nessa madrugada para o velório. A cerimônia deve começar a partir das 15h na Capela Mortuária Cristo Rei, anexa ao cemitério municipal.