Homem é multado por destruir mata ciliar na margem do rio Piracolino para construir área de lazer

Na propriedade, a Polícia Ambiental realizou um embargo a tanques de peixes

4920
Após devastar área homem colocou pneus às margens do rio. Imagem meramente ilustrativa.

Um homem de 30 anos foi multado por destruir mata ciliar em uma Área de Preservação Permanente para construir uma área de lazer, às margens do rio Piracolino, na zona rural de Vilhena. Segundo a Polícia Militar Ambiental (PMA), a área devastada é de 0,570 hectares. Ele também terá que fazer plano de recuperação da área degradada e alterada.

Na propriedade, a Polícia Ambiental realizou um embargo a tanques de peixes. A ação de fiscalização ocorreu na tarde desta quarta-feira, 15 de julho, em uma chácara da linha 135.  O proprietário informou que pretendia realizar atividade de piscicultura, porém, a polícia afirma que ele não tem licença ambiental para abrir os tanques. Os criatórios ilegais de peixes estavam sendo construídos por máquinas da Secretaria Municipal de Agricultura (Semagri), de Vilhena, através do Programa “Porteira Adentro“.

Conforme a PMA, o chacareiro foi autuado por crime ambiental e, se condenado, poderá pegar pena de detenção, de um a três anos.

Comentários