1925

Há 15 anos se vestindo de Papai Noel, servidor estadual faz a alegria de crianças na Praça

Noite de ontem foi especial e contou com apresentações da Apae

Fotos: Luh Coelho

Faltando menos de duas semanas para o dia de Natal a cidade de Vilhena começa a entrar no espírito natalino. Além dos enfeites em ruas e comércio do município, o tradicional local da “Casa do Papai Noel”, na Praça Nossa Senhora Aparecida, ganhou na noite de ontem, 12, apresentações especiais com a visita de alunos da Apae.

Há mais de 15 anos se vestindo de bom velhinho, o servidor público estadual Wilmo Mendes, diz que quem ganhou o presente na noite desta quinta-feira, foi ele. “É impossível não se emocionar com tanta dedicação e carinho desses jovens, alunos da Apae. Me sinto presenteado com tanta gente participando e tanta gente assistindo as apresentações deles”.

Por trás da roupa vermelha e da longa barba branca, existe um pai, professor, músico e um dedicado senhor de 56 anos, que mesmo antes dessa matéria ser publicada, agradeceu pelo menos umas 15 vezes, o fato de a Cantata de Natal dos alunos da Apae fosse divulgada. Pensando mais nos jovens que ali estavam do que em si próprio.

Com a vida totalmente dedicada à ajudar, Wilmo que, além de professor da Apae, foi durante anos instrutor da fanfarra em Vilhena

Wilmo, que é o bom velhinho oficial durante quatro dias da semana na praça, contratado da Fundação Cultural do município, contou em entrevista que a ideia de se vestir de Papai Noel surgiu quando ainda trabalhava na tão conhecida Creche Tia Dora. Lá ele se sensibilizou com os pequeninos e foi aperfeiçoando o ‘personagem’. “A semana de natal mexe com qualquer ser humano, e sentimos naquela época de fazemos algo especial pelas crianças da creche, foi quando eu me dispus a ser o Papai Noel delas. Recebi tanto carinho dos pequenos que não consegui mais parar”, contou Mendes.

Publicidade


Com a vida totalmente dedicada à ajudar, Wilmo que, além de professor da Apae, foi durante anos instrutor da fanfarra em Vilhena e como faz há alguns anos, a partir do dia 16 de dezembro, quando entrará em recesso de seu trabalho formal, pretende sair pelas ruas da cidade com sua moto, para distribuir balas, doces, brinquedos e carinho aos pequenos.

Para isso, o Papai Noel voluntário precisa da ajuda dos vilhenenses. Wilmo está angariando doces e brinquedos para que ele mesmo distribua pela cidade. Essa ação sem ligação com empresas ou órgão público, o bom velhinho e que demonstrou um bom coração, começa na próxima semana e vai até o dia 25. “Deixo bem claro que não tenho autorização de pegar nada em nome de nenhuma empresa ou instrumento público, tudo que quero é que as pessoas de bem se proponha a levar alegria para crianças carentes, seja com um pacote de bala, um brinquedo. Tudo deve ser de coração”, falou Wilmo.

Quem tiver interesse em ajudar o bom velhinho a realizar ação, pode entrar em contato pelo telefone: 69 99219-8670 ou mesmo se dirigir até a praça (da biblioteca) e levar sua contribuição.

CANTATA DE NATAL DA APAE

A noite de ontem, quinta-feira, 12, foi especial para Wilmo e um grande público que parou para assistir as apresentações do grupo de alunos da Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais). O Coral Vozes da Apae cantou músicas natalinas e de mensagens de amor, acompanhadas pelo Papai Noel e encantou todos presentes.

Outro grupo de alunos, dessa vez de dança, também arrancou sorrisos dos presentes com verdadeira alegria ao remexerem ao som de músicas animadas e que traziam esperança. “Com toda certeza essa noite ficará na lembrança de todos, dos alunos por terem ficado felizes de verdade ao se apresentarem e nós, por podermos presenciar tamanha felicidade nos olhos deles”, fechou Wilmo.

Comentários