Detento é morto a tiros ao sair de Colônia Penal em Vilhena

32800
Fernando Rogério de Oliveira (FOTO) cumpria pena no presídio Cone Sul quando matou um colega de cela

Um detento de 23 anos foi morto ao sair da Colônia Penal nesta quinta-feira (17) pela manhã, em Vilhena. O preso, que era do regime semiaberto, estava na garupa de uma moto pilotada por uma mulher de 45 anos. Na rajada de tiros ela também ficou ferida, mas conseguiu fugir e buscar refúgio em um posto de combustível próximo. Em seguida, a mulher foi levada ao hospital Regional e passou por cirurgia.

O crime aconteceu em um trecho da avenida Tancredo Neves no bairro Jardim América e dois homens em uma moto em movimento teriam feito os disparos.

Em março de 2018 Fernando Rogério de Oliveira, vulgo “Repolho”, foi condenado a oito anos e nove meses de prisão por homicídio. Fernando estava preso no Centro de Ressocialização Cone Sul, em Vilhena, quando matou outro apenado, em julho de 2017. Na época ele alegou legítima defesa, mas o júri negou a absolvição dele.

A PM faz buscas para tentar localizar os autores do crime.

Fernando ficou morto na rua. A companheira fugiu e buscou refugiu em um posto de gasolina.