Acessos online chegam a 32% das declarações de rebanhos já feitas à Idaron em novembro

130

Faltando poucos dias para o término da segunda etapa de declaração de rebanhos da Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril do Estado – Idaron, mais de 107 mil produtores rurais já regularizaram suas fichas cadastrais junto ao serviço veterinário oficial de Rondônia. Ao todo, cerca de 138 mil produtores devem procurar os serviços da Idaron, online ou presencial, para atualizar os dados relacionados a produção agropecuária no estado.

Destaque para os acessos online, que até sexta-feira (24) alcançaram 33% das declarações feitas à Agência. A expectativa, segundo o gerente de Defesa Sanitária Animal da Idaron, Fabiano Alexandre, é que o serviço online se firme como a principal opção do pecuarista para o acesso aos serviços disponibilizados pela Agência.

Os produtores rurais têm até quinta-feira, dia 30, para aderir à declaração de rebanhos, que é obrigatória para criadores de bovinos, bubalinos, ovinos, caprinos e suínos. Equídeos e aves também são declarados.

Vale salientar que a emissão da Guia de Trânsito Animal para movimentação do rebanho está vinculada à declaração. Ou seja, o produtor só poderá emitir GTA depois que regularizar a ficha cadastral junto à Idaron.

Sobre a importância dessa iniciativa, o governador de Rondônia, Marcos Rocha, destaca que a declaração de rebanhos é uma das mais importantes ações para que Rondônia mantenha o status internacional de área livre de febre aftosa sem vacinação. “É uma ação simples, um compromisso que o produtor rural tem para garantir maior chance de busca de mercados à agropecuária do estado”, ressaltou.

Lembrando que a declaração pode ser feita no site da Agência (www.idaron.ro.gov.br) ou nas Unidades Locais de Sanidade Animal e Vegetal (Ulsav’s). “O processo de declaração é muito simples, pela internet, a senha usada para a emissão de ‘e-GTA’é a mesma para fazer a declaração dos rebanhos. Quem ainda não efetivou login e senha para acesso ao sistema da Idaron, basta entrar no site da Agência, pelo computador ou celular e cadastrar a senha”, destaca Julio Cesar Rocha Peres, presidente da Idaron.