Tecnologia na academia: conheça quais aplicativos são os mais indicados na prática de atividades físicas

Conheça quais aplicativos são os mais indicados na prática de atividades físicas.

140

Neste artigo você vai conhecer quais aplicativos são os mais indicados na prática de atividades físicas  – informações e dicas atualizadas! 

Conteúdo: 

Não há dúvida de que o isolamento prolongado na pandemia deixou fortes impactos em nossa saúde. 

E sim, o isolamento se fez e ainda se faz necessário em muitas regiões, porém, ele trouxe algumas mudanças significativas em nossas vidas. 

Por exemplo, o medo gerado pelo coronavírus fez com que muitas pessoas deixassem de frequentar as academias, mesmo quando elas voltaram a abrir, no ano passado. 

Neste caso, para não ficarem paradas, algumas pessoas tiveram que recorrer aos treinos em casa com a ajuda da internet. 

Felizmente, hoje podemos contar com a ajuda desta ferramenta que disponibiliza diversos conteúdos fitness e aplicativos de exercícios pagos, gratuitos, específicos para uma modalidade ou tempo criados por educadores físicos e academias. 

Tais aplicativos são os ideais para ajudar qualquer um que queira se movimentar durante o isolamento. 

E se você também é um desses que busca por alternativas para continuar se exercitando mesmo diante do isolamento social, basta continuar com a leitura deste artigo até o final. 

Para te ajudar nessa missão, ainda no início do ano, o Estadão testou mais de 20 opções para chegar aos dez melhores (disponíveis para iOS e Android) e no artigo de hoje disponibilizamos essa lista para começar a treinar hoje ainda e assim, continuar cuidando da sua saúde. 

Vamos lá? 

Tecnologia na academia: lista com apps grátis e pagos que poderão te ajudar nos treinos

Nike Training (Grátis)

O primeiro da lista é o já bem conhecido Nike Training, App grátis que, além de diferentes programas de aulas avulsas, de curta ou longa duração, cria também um plano de treino específico a partir das suas metas e quanto tempo tem disponível na semana. 

E se você é ainda um iniciante, não se preocupe, afinal, as séries são ministradas por meio de instruções em áudio e vídeo, muito bem explicadas.

Adidas Running (Grátis / Premium)

App projetado para você entrar em forma, elevar a autoestima e dizer “tchau” ao sedentarismo de uma vez por todas, o Adidas Running é outro app que pode ser um grande aliado na prática de atividades físicas. 

Com uma interface simples e intuitiva, ajuda a acompanhar seu desempenho e evolução nos treinos, com gráficos e estatísticas. 

Com este App você também poderá ter um registro dos treinos em tempo real via GPS. 

Além disso, poderá contar com um treinador por voz: feedback por áudio para motivar e informar sobre o progresso durante os treinos.

Down Dog (Grátis / Premium)

O Down Dog é outro excelente App que também pode ser um grande aliado na prática de atividades físicas. 

O App conta com diversas práticas de 8 a 90 minutos que fazem questão de incluir um tempo de meditação. 

Dessa forma, além de trabalhar os músculos, trabalha também a respiração do usuário. 

Você poderá encontrar atividades completas na versão gratuita e caso queira se aprofundar ainda mais, poderá optar pelos planos pagos.

Smart Fit Play Store / Apple Store (Premium)

O app Smart Fit é outro app completo que, diferentemente de outros aplicativos de academia, você não precisa ser cliente Smart Fit para ter o app sendo útil tanto para quem não tem nenhum equipamento em casa, quanto para quem tem academia.

Porém, é importante frisarmos que existe a fidelidade mínima de três meses. 

Com este app você terá acesso a um treino personalizado por um profissional da academia podendo, inclusive, fazer uma vídeo chamada com eles semanalmente para ver como está indo o treino. 

BTFIT (Grátis / Premium)

O BTFIT possui como grande diferencial o fato de que as aulas são coletivas e gravadas diariamente, com horários fixos, que você pode assistir ao vivo. 

Além disso, seus professores são animados, com música, explicam e demonstram os movimentos. 

E o melhor, você também poderá baixar as aulas dentro do APP.

Queima Diária (Premium)

Com mais de 450 videoaulas que variam de 5 a 25 minutos, o Queima Diária é uma outra muito completa e recomendada. 

Neste app, as modalidades ​são diversas, sempre com um professor fazendo a versão iniciante e outro fazendo o avançado. 

Além disso, também é possível assistir na vertical ou deitado e até na Smart TV. Além das aulas, o app oferece receitas e guia nutricional.

Sweat: Fitness para mulheres (Premium)

App que foi inicialmente projetado para mulheres, mas que não exclui ninguém, o Sweat é um outro app completo capaz de oferecer treinos livres para fazer a qualquer hora com opção de foco em pernas, braços, e até alongamentos. 

O app também serve para objetivos mais específicos, de longo prazo como pós-parto, perder peso e ganhar massa muscular, a partir das suas metas. 

Além disso, outro grande diferencial é o fórum para tirar dúvidas com personal trainers ao redor do mundo. 

Infelizmente, os áudios são apenas em inglês, o que pode dificultar um pouco para quem não conhece bem o idioma, mas os descritivos são em português e bem detalhados.

Seven – Treino de 7 Minutos (Grátis / Premium)

O Seven é também um outro app bem legal e um ótimo incentivo para quem quer começar em algum lugar. 

A ideia original deste app é que com apenas um treino de 7 minutos por dia, você consiga fazer todos os exercícios necessários para boa forma física. 

Atualmente, a versão gratuita ainda oferece pouquíssimas opções, por isso vale apostar na versão paga.

Sworkit (Premium)

Com mais de 160 exercícios diferentes, que vão de 7 min a 1 hora, sem necessidade de equipamento ou muito espaço, o Sworkit, sem dúvidas, não poderia ficar de fora dessa lista. 

Diferente de algumas opções dessa lista, com este app é possível customizar os treinos, o que é bem legal para pessoas que têm limitações físicas. 

Além disso, o app também sincroniza com o seu aplicativo de música de preferência e disponibiliza playlists animadas ou mais zens. Apesar de todas qualidades, tem um déficit na explicação dos movimentos.

Freeletics (Premium)

Por último, mas não menos importante, temos o Freeletics, um projetado para evitar riscos com lesões por erro na prática dos exercícios. 

O app conta com uma explicação escrita, mais três ângulos diferentes de cada movimento para a pessoa saber exatamente o que fazer. 

No final,após cada sequência, você dá um feedback falando qual exercício teve mais dificuldade, se é preciso aumentar a intensidade ou não, se teve de substituir. 

Como ponto negativos temos o fato de que, apesar de todo aplicativo ser em português, o áudio é inglês.

Para finalizar, é importante frisarmos também que, segundo a matéria, um dos maiores perigos, é o risco de lesões por falta de experiência ou domínio dos movimentos. 

Como sabemos, é da natureza do corpo querer fazer um tipo de exercício mais fácil do que o certo, que exige mais força. 

Felizmente, todos os exercícios têm opções de adaptação”. Neste caso, se o aplicativo não traz outras opções, vale uma pesquisa no YouTube para ver adaptações de movimentos para trabalhar o corpo sem forçar uma área com limitações. 

Além disso, é importante lembrar também de dar atenção aos questionamentos iniciais dos aplicativos: nível de condicionamento físico, idade, áreas fortes, assim como o tempo disponível para prática das atividades. 

Lembre-se que não adianta colocar uma meta intangível, um pouco todo dia já é o recomendado. 

Para ter acesso a informações mais completas, basta acessar o site da matéria original – Clique aqui – todas as informações são do jornal O Estado de S. Paulo