Procura-se artistas oficineiros: Fundação Cultural divulga projeto “Circula Bairros” com prêmio de quase R$ 50 mil

Oficinas gratuitas para os alunos em 5 segmentos artísticos acontecerão em bairros e cada oficineiro receberá quase R$ 10 mil

460

Artistas que desejarem ministrar oficinas nos bairros da cidade têm a oportunidade de se inscrever no “Circula Bairros”, projeto da Fundação Cultural de VIlhena (FCV) que premiará com quase R$ 10 mil a cinco oficineiros nos segmentos de Audiovisual/Fotografia, Artesanato/Trabalhos Manuais, Dança, Literatura e Teatro. As inscrições estão abertas e o edital disponível no link: www.bit.ly/circulabairros.

“A Cultura tem que chegar nos bairros. Isso é algo que sempre digo e com essa iniciativa daremos um passo importante neste sentido. O ‘Circula Bairros’ vai capacitar muitas pessoas que talvez não consigam pagar por cursos nessas áreas e a cultura poderá ser feita com a visão de quem mora nos bairros e também levará a consciência da arte para quem ainda não teve a mesma exposição a esse mundo que os que têm boas condições financeiras”, comenta o prefeito Eduardo Japonês.

As inscrições vão até 12 de dezembro deste ano, para a inscrição de projetos de oficinas com temática livre dentro dos segmentos de Audiovisual/Fotografia, Artesanato/Trabalhos Manuais, Dança, Literatura e Teatro, com carga horária mínima de 40 horas e máxima 60 horas com número mínimo de 20 participantes. Os bairros contemplados com as oficinas serão ainda definidos pela FCV.

“Nesta primeira rodada de contratação, vamos selecionar um projeto por segmento, premiando cada oficineiro com R$ 9.848,80, totalizando R$ 49.244,00 aos cinco artistas, que oferecerão as aulas gratuitamente à comunidade a partir de fevereiro de 2022. Ao final de cada oficina será organizada uma exposição ou apresentação artística dos trabalhos realizados pelos alunos. Nosso objetivo é valorizar os artistas, movimentar o cenário cultural de Vilhena de forma descentralizada e possibilitar à população um novo aprendizado artístico de forma gratuita”, assegura França Silva, presidente da FCV.

Após as inscrições, ainda em dezembro haverá a seleção das propostas por meio de quatro servidores da administração pública com conhecimento, pesquisa ou atuação em ações culturais. A avaliação atribuirá notas aos quesitos de experiência do proponente, qualidade artística do projeto e descrição do projeto com clareza.

INSCRIÇÕES – Os artistas poderão se inscrever como pessoa física ou pessoa jurídica desde que que comprove atuação na área cultural específica no segmento inscrito, com limite de uma inscrição por proponente. Após preencher todos os requisitos e formulários do edital (disponível no link www.bit.ly/circulabairros) o candidato deve enviar em formato de PDF para o e-mail editais.fcv@gmail.com. Se preferir, as inscrições poderão ser entregues presencialmente na Fundação Cultural de Vilhena, localizada na esquina da avenida Presidente Nasser com a avenida Tancredo Neves, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h.

Mais informações podem ser conseguidas pelo WhatsApp da Fundação Cultural de Vilhena, 3321-1777.

Semcom

AULAS GRATUITAS PARA moradores de bairros distantes do Centro disseminam arte e valorizam artistas em projeto da FCV