Notícia publicada às 12:54:22 - 22/06/2018 e lida: 1202 vezes   
    
  
  
Acir Gurgacz e ex-prefeita de Vilhena garantem recapeamento das avenidas Celso Mazutti e Marechal Rondon em Vilhena
A conquista foi garantida pela ex-prefeita durante audiência com o Senador Acir, em Brasília, ainda quando Rosani Donadon estava à frente do município de Vilhena.

Acir Gurgacz e ex-prefeita de Vilhena garantem recapeamento das avenidas Celso Mazutti e Marechal Rondon em Vilhena
Acir Gurgacz e ex-prefeita de Vilhena garantem recapeamento das avenidas Celso Mazutti e Marechal Rondon em Vilhena
Foto: Divulgação/Assessoria

Por
Redação

Por intermédio do senador Acir Gurgacz (PDT) o governo federal, através do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transporte (DNIT), ampliou o projeto de recapeamento das duas marginais do município de Vilhena, as Avenidas Celso Mazzutti e Marechal Rondon. As reuniões que definiram essa importante obra para os vilhenenses tiveram início ainda na gestão da ex-prefeita Rosani Donadon (MDB).

O trabalho é uma continuação do recapeamento da BR-364 no perímetro de corta o setor urbano do município. De acordo com a assessoria do Senador da República, o DNIT aceitou a proposta tendo em vista a necessidade de melhorias das marginais uma vez que o fluxo de veículo, bem como o número de empresas instaladas na região são grandes.

A conquista foi garantida pela ex-prefeita durante audiência com o Senador Acir, em Brasília, ainda quando Rosani Donadon estava à frente do município de Vilhena. “Este é projeto que vai contemplar praticamente toda a extensão das marginais, começará entre os postos Bodanese e Catarinense – onde nascem as duas avenidas e irão até o final delas, sentido Cuiabá”, comentou a ex-prefeita.

Os trabalhos de recapeamento estão dentro do cronograma estabelecido pelo DNIT e iniciam-se logo após a conclusão do trabalho já começado na BR.

 

 

FONTE: Informações da assessoria

 

 


 


 

 COMENTÁRIOS
 

ATENÇÃO: Comentários ofensivos e que façam a apologia a crimes serão ocultados. O internauta do VILHENA NOTÍCIAS que se sentir ofendido pode requerer a ocultação do comentário. A Constituição Federal permite a publicação do livre pensamento de qualquer cidadão, desde que não seja de forma anônima, por isso, comentários provenientes de perfis "fake" ou "falsos" podem ser ocultados e bloqueados. Comente, compartilhe sua opinião, mas de forma moderada.