Notícia publicada às 16:03:10 - 08/05/2018 e lida: 801 vezes   
    
  
  
Contas da prefeitura de Vilhena estão liberadas pela Caixa Econômica
A partir desta terça-feira, 08, o prefeito Adilson de Oliveira já pode realizar pagamentos a partir dos recursos próprios e de convênios federais depositados nas contas do município, através da Caixa Econômica Federal.

Contas da prefeitura de Vilhena estão liberadas pela Caixa Econômica
Contas da prefeitura de Vilhena estão liberadas pela Caixa Econômica
Foto: Semcom

Por
Informativo da Semcom

O chefe do Executivo recebeu a visita do diretor geral da agência Caixa em Vilhena, Fabiano Sampaio, que entregou documentos para a assinatura do prefeito. Com a assinatura, Adilson de Oliveira, fica apto a autorizar todos os pagamentos de competência da administração municipal.

As contas vinculadas à prefeitura foram bloqueadas em função do afastamento judicial da ex-prefeita e depois que assumiu, Adilson estava impedido de efetuar pagamentos até que a Caixa avalizasse os procedimentos legais. "Com a liberação da agência bancária, aos poucos estaremos efetuando os pagamentos devidos e colocando a casa em ordem. Este é meu compromisso e tenho certeza que, apesar do pouco tempo, pretendo fazer a diferença e entregar ao próximo prefeito as contas em dias, claro, todas que estiverem ao alcance da administração municipal e respeitando as diretrizes da lei orçamentária", ressaltou o prefeito.

Além do prefeito Adilson de Oliveira, quem está apto a assinar pela prefeitura é o chefe de Gabinete, Eduardo Hartmann. 

 

 

 

FONTE: Semcom

 

 


 



 COMENTÁRIOS
 

ATENÇÃO: Comentários ofensivos e que façam a apologia a crimes serão ocultados. O internauta do VILHENA NOTÍCIAS que se sentir ofendido pode requerer a ocultação do comentário. A Constituição Federal permite a publicação do livre pensamento de qualquer cidadão, desde que não seja de forma anônima, por isso, comentários provenientes de perfis "fake" ou "falsos" podem ser ocultados e bloqueados. Comente, compartilhe sua opinião, mas de forma moderada.