Notícia publicada às 08:25:44 - 08/05/2018 e lida: 1344 vezes   
    
  
  
“Casal Triatleta” patrocinado pelo banco da Amazônia garante vaga para disputar o Mundial de Triátlon na Austrália
Daniela é a número 1 de sua categoria do ranking da Confederação Brasileira de Triátlon (CBTrin).

“Casal Triatleta” patrocinado pelo banco da Amazônia garante vaga para disputar o Mundial de Triátlon na Austrália
“Casal Triatleta” patrocinado pelo banco da Amazônia garante vaga para disputar o Mundial de Triátlon na Austrália
Foto: Divulgação

Por
Renato Spagnol

Natural de Vilhena, a triatleta Daniela Souza da Paz, de 24 anos, e o esposo dela, o também triatleta, Alexsandro George, de 31 anos, garantiram vaga para disputar o mundial de Triátlon que acontece em setembro deste ano na cidade de Gold Coast na Austrália. O ótimo desempenho do casal em competições ao longo dos últimos anos garantiu a eles patrocínio do Banco da Amazônia como o primeiro “Casal Triatleta”.

A vaga para a competição internacional foi definida no ano passado na Copa Brasil Triátlon disputada na cidade de Manaus, no Amazonas. “Na categoria feminina dez atletas se classificavam para o mundial da Austrália, e eu fiquei em primeiro lugar”, destaca Daniela, que é a número 1 do ranking da Confederação Brasileira de Triátlon (CBTrin) de sua categoria, e é federada pela Federação Rondoniense de Triátlon (Ferrotri).

Com um vasto curriculum de vitórias, a vilhenense é tetracampeã brasileira de sua categoria, e ganhou esse ano em Cumbuco, (Fortaleza) Ceará, a Copa Nordeste Continental de Triátlon. Em 2016 ela ficou entre as 30 primeiras, dentre 80 triatletas, no mundial do México.

Em 2017 Daniela chegou a garantir vaga para o mundial de Roterdã, no sul da Holanda, mas não viajou por falta de patrocínio.

Casal triatleta

Em julho de 2017 ela disputou o campeonato Amazônia Endurance em Barcarena, no Pará, onde foi campeã na categoria 18-24 anos. Também foi a primeira competição que Daniela fez junto com o marido, o sargento do exército brasileiro, Alexsandro George Fernandes Cardoso. O casal se conheceu em uma competição na cidade de Vila Velha, Espírito Santo, em 2016. “O melhor foi quando cruzei a linha de chegada e meu marido estava me esperando e logo em seguida fui chamada para subir no pódio da categoria”, contou ela em entrevista ao Vilhena Notícias logo depois da prova.

Com a conquista da vaga para o mundial a dupla conseguiu patrocínio do Banco da Amazônia em parceria com o Governo Federal para representar o país como o primeiro “Casal Triatleta”.  Daniela também é patrocinada pela Energia Sustentável do Brasil, concessionária da Usina Hidrelétrica Jirau.

Preparativos

Atualmente com residência em Macapá, capital do Amapá, Daniela, em visita à redação do Vilhena Notícias na sexta-feira (4), disse que ela e o marido estão se preparado diariamente para as próximas competições antes de confirmarem a viagem para a disputa do mundial, pois ainda dependem de outros patrocínios para custear despesas da viagem: “em Macapá temos uma boa estrutura para treinar e nos preparar paras as competições, mas sempre que posso passo por Vilhena, por sou daqui e toda minha família está aqui, essa é a minha cidade”, finalizou Daniela.

Antes de embarcar para o mundial, o casal ainda terá pela frente competições nos estados do Tocantins e Espírito Santo, que garantem vaga para o mundial do ano que vem na Suíça. 

Leia mais

Triatleta Daniela Paz é campeã de sua categoria no Amazônia Endurance

Triatleta de Vilhena, Daniela Paz irá participar de campeonato Amazônia Endurance, no Pará

“Casal Triatleta” patrocinado pelo banco da Amazônia garante vaga para disputar o Mundial de Triátlon na Austrália
Alexsandro e Daniela conseguiram patrocínio do banco da Amazônia para disputar o mundial na Austrália como \"Casal Triatleta\".

“Casal Triatleta” patrocinado pelo banco da Amazônia garante vaga para disputar o Mundial de Triátlon na Austrália
Daniela ficou em 1º lugar na Copa Nordeste Continental de Triátlon.

“Casal Triatleta” patrocinado pelo banco da Amazônia garante vaga para disputar o Mundial de Triátlon na Austrália
Casal se conheceu durante uma competição em 2016 na cidade de Vila Velha.

“Casal Triatleta” patrocinado pelo banco da Amazônia garante vaga para disputar o Mundial de Triátlon na Austrália
“O melhor foi quando cruzei a linha de chegada e meu marido estava me esperando e logo em seguida fui chamada para subir no pódio da categoria”, contou ela em entrevista ao Vilhena Notícias. (Foto: Renato Spagnol).

 

FONTE: VILHENA NOTÍCIAS

 

 


 


 

 COMENTÁRIOS
 

ATENÇÃO: Comentários ofensivos e que façam a apologia a crimes serão ocultados. O internauta do VILHENA NOTÍCIAS que se sentir ofendido pode requerer a ocultação do comentário. A Constituição Federal permite a publicação do livre pensamento de qualquer cidadão, desde que não seja de forma anônima, por isso, comentários provenientes de perfis "fake" ou "falsos" podem ser ocultados e bloqueados. Comente, compartilhe sua opinião, mas de forma moderada.