Notícia publicada às 09:12:29 - 04/04/2018 e lida: 257 vezes   
    
  
  
Acadêmicos do Curso de Ciências Contábeis da Faculdade AVEC participam de curso prático sobre Declaração de Imposto de Renda
A atividade foi coordenada pelo professor Cesar de Andrade.

Acadêmicos do Curso de Ciências Contábeis da Faculdade AVEC participam de curso prático sobre Declaração de Imposto de Renda
Acadêmicos do Curso de Ciências Contábeis da Faculdade AVEC participam de curso prático sobre Declaração de Imposto de Renda
Foto: Divulgação

Por
Assessoria

Acadêmicos do 7º período do curso de Ciências Contábeis da Faculdade AVEC de Vilhena participaram no último dia 28 de março de 2018 do curso prático sobre a Declaração de Imposto de Renda Pessoa Física – DIRPF.

O objetivo do curso foi proporcionar aos acadêmicos conhecimentos básicos sobre o preenchimento da DIRPF 2018 ano base 2017.

Durante o curso os acadêmicos puderam verificar os casos mais recorrentes sobre quais situações levam o contribuinte a ter que efetuar a declaração de IR, bem como os casos mais comuns dos gastos dedutíveis.

O ponto forte do curso foi o preenchimento do programa disponibilizado pela Receita Federal do Brasil para elaboração da declaração. Para o preenchimento os acadêmicos tiveram acesso a documentos simulados sobre cadastro do contribuinte, dependentes, informes de rendimentos e gastos com saúde e educação.

Também tiveram a oportunidade de tirar dúvidas sobre casos específicos do seu cotidiano não abordados pelo simulado.

A atividade foi coordenada pelo professor Cesar de Andrade.

Cesar destaca o curso que os acadêmicos participaram. “Para que os acadêmicos estejam aptos a atender a comunidade, o treinamento abordou sobre a forma de preenchimento da Declaração. Foi um curso bastante prático, permitindo aos alunos simularem situações que podem acontecer no dia-a-dia.

 

 

FONTE: Assessoria

 

 


 



 COMENTÁRIOS
 

ATENÇÃO: Comentários ofensivos e que façam a apologia a crimes serão ocultados. O internauta do VILHENA NOTÍCIAS que se sentir ofendido pode requerer a ocultação do comentário. A Constituição Federal permite a publicação do livre pensamento de qualquer cidadão, desde que não seja de forma anônima, por isso, comentários provenientes de perfis "fake" ou "falsos" podem ser ocultados e bloqueados. Comente, compartilhe sua opinião, mas de forma moderada.