Notícia publicada às 09:25:15 - 03/04/2018 e lida: 934 vezes   
    
  
  
Valdete Savaris cobra construção de rampas de acesso em frente a comércios de Vilhena
Construção de rampas visa colaborar no acesso e diminuir o risco de acidentes, garantindo o direito de ir e vir a cadeirantes ou pessoas com mobilidade reduzida

Valdete Savaris cobra construção de rampas de acesso em frente a comércios de Vilhena
Valdete Savaris cobra construção de rampas de acesso em frente a comércios de Vilhena
Foto: Renato Spagnol

Por
Redação

A vereadora Professora Valdete (PPS), em sessão ordinária do dia 13 de março, cobrou da prefeitura de Vilhena a construção de rampas de acesso para deficientes em frente aos comércios da cidade.

Cadeirante quer independência, não quer ajuda. Mas ninguém consegue ter independência se não tiver seus direitos de ir e vir respeitados.

Segundo a vereadora, deficientes físicos ou com mobilidade reduzida tem encontrado inúmeras dificuldades para se locomover pela cidade, tendo muitas vezes que usar a rua, devido à inacessibilidade de acesso à calçada.

A construção dessas rampas visa colaborar no acesso e diminuir o risco de acidentes, possibilitando que estes possam ter seu direito constitucional de ir e vir resguardados.

“Precisamos lutar cada vez mais pela inclusão e pela garantia de segurança física de pessoas com necessidades especiais para que possam usufruir das mesmas coisas que aqueles que não tem essas dificuldades”, destacou Valdete Savaris.

A indicação vem a colaborar com a Lei Municipal 1905/2005 que se remete à promoção de acessibilidade das pessoas portadoras de deficiência ou mobilidade reduzida.

“Precisamos lutar cada vez mais pela inclusão e pela garantia de segurança física de pessoas com necessidades especiais para que possam usufruir das mesmas coisas que aqueles que não tem essas dificuldades”, destacou Valdete Savaris.

 

FONTE: Com informações da Câmara Municipal

 

 


 



 COMENTÁRIOS
 

ATENÇÃO: Comentários ofensivos e que façam a apologia a crimes serão ocultados. O internauta do VILHENA NOTÍCIAS que se sentir ofendido pode requerer a ocultação do comentário. A Constituição Federal permite a publicação do livre pensamento de qualquer cidadão, desde que não seja de forma anônima, por isso, comentários provenientes de perfis "fake" ou "falsos" podem ser ocultados e bloqueados. Comente, compartilhe sua opinião, mas de forma moderada.