Notícia publicada às 16:55:15 - 20/03/2018 e lida: 619 vezes   
    
  
  
RACISMO: após clássico atacante do VEC é chamado de “macaco” por torcedor
Caso de racismo aconteceu, após o jogo entre Vilhena e Vilhenense, pelo Campeonato Rondoniense, jogador desabafa e conta como tudo aconteceu

RACISMO: após clássico atacante do VEC é chamado de “macaco” por torcedor
RACISMO: após clássico atacante do VEC é chamado de “macaco” por torcedor
Foto: Reprodução/Arquivo pessoal

Por
Globoesporte

Uma denúncia de racismo foi registrada pela diretoria do Vilhena. Logo após o jogo válido pela sexta rodada do Campeonato Rondoniense 2018, na partida entre Vilhena e Vilhenense, torcedores iniciaram uma confusão fora do estádio e o atacante Henrique Teixeira, conhecido como Robinho, do VEC, foi chamado de ‘macaco’ e o mandaram comer bananas.

O jogo entre as equipes do Cone Sul continua rendendo assunto, desta vez, a alegria da goleada aplicada pelo novato Vilhenense em cima do veterano Lobo do Cerrado foi silenciada com o crime.

De acordo com Robinho, após o jogo ele saiu do estádio com dois amigos de time, quando percebeu que um grupo de torcedores estavam fazendo tumulto na rua, ao passarem próximo, os atletas foram hostilizados, até que um deles olhou para o jogador chamando-o de ‘macaco’ e o mandou comer bananas.

O jogador desabafa e conta que ficou abalado, após ser agredido. O desejo após o acontecido é apagar da memória os momentos de tensão e continuar trabalhando.

- A gente sai da nossa casa para trabalhar e passamos pelo que não é necessário. Grande parte acha que nosso trabalho de jogador é diferente, mas não, merecemos respeito. Infelizmente aconteceu esse fato, eu só quero apagar e vou tentar continuar com o meu papel que é levantar o meu time. Foi a primeira vez que passei por isso, nunca imaginei que passaria por algo parecido.

Robinho finaliza fazendo um pedido aos torcedores, que a rivalidade fique apenas dentro de campo.

- Sabemos que no momento do jogo a rivalidade é muito grande, mas não pode sair dali, Não desejo mal para a pessoa que fez isso comigo, não sei se ele tinha bebido, mas não justifica o que ele fez.

Vilhenense

A diretoria do Vilhenense publicou na rede social do clube uma nota de repúdio. Veja na íntegra:

O fato é que, chegou ao conhecimento do clube que algumas pessoas ofenderam jogadores do VEC, quando os atletas deixam o Estádio Portal da Amazônia, por volta das 19h45. O repúdio vai de encontro aos maus “torcedores”, se assim pode-se dizer, que xingaram e, denegriram a imagem daqueles que lhes proporcionaram o espetáculo minutos antes assistido.

Repudiamos também, àqueles que não se contiveram em apenas comemorar a vitória conquistada, mas que sim, parecem demonstrar a necessidade de se expor em atos que não condiz com a ideia do clube. “Nunca foi e nunca será a filosofia do clube criar inimizades, seja ela com torcedores de outros clubes, seja ela com atletas. Seremos adversários dentro de campo, simplesmente pelo acaso. Em outra oportunidade poderemos ser da mesma equipe. Nada do que foi dito, muito menos o que foi feito por algumas pessoas, que até podiam estar tralhando a camisa do Vilhenense, mas que de forma alguma representam essa entidade séria e amigável aos VILHENENSES.

Segundo caso de agressão com os times do Cone Sul em menos de uma semana.

Ainda pela sexta rodada do Campeonato Rondoniense, outro fato tirou o brilho do esporte, o zagueiro do Real Ariquemes levou um chute do jogador Júnior Gaúcho, do Barcelona de Vilhena, no último dia 16. Confira o vídeo.

 

 

FONTE: Globo Esporte

 

 


 



 COMENTÁRIOS
 

ATENÇÃO: Comentários ofensivos e que façam a apologia a crimes serão ocultados. O internauta do VILHENA NOTÍCIAS que se sentir ofendido pode requerer a ocultação do comentário. A Constituição Federal permite a publicação do livre pensamento de qualquer cidadão, desde que não seja de forma anônima, por isso, comentários provenientes de perfis "fake" ou "falsos" podem ser ocultados e bloqueados. Comente, compartilhe sua opinião, mas de forma moderada.