Notícia publicada às 16:45:37 - 21/12/2017 e lida: 742 vezes   
    
  
  
Colorado do Oeste: Policiais do 3º BPM prendem homem por embriaguez e porte ilegal de arma durante Operação Lei Seca
O agente e os objetos apreendidos foram entregues na Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp) local.

Colorado do Oeste: Policiais do 3º BPM prendem homem por embriaguez e porte ilegal de arma durante Operação Lei Seca
Colorado do Oeste: Policiais do 3º BPM prendem homem por embriaguez e porte ilegal de arma durante Operação Lei Seca
Foto: 3º Batalha da Polícia Militar

Por
Redação

Nas primeiras horas do sábado (16) Policiais Militares do 3º BPM conduziram um agente por embriaguez ao volante e porte ilegal de arma de fogo, durante apoio à Operação Lei Seca do DETRAN-RO, na cidade de Colorado do Oeste.

De acordo com a guarnição, o condutor T. M. F. com visíveis sinais de embriaguez foi abordado durante a Blitz e realizou o exame de etilômetro que comprovou o crime de trânsito.

Durante a confecção das autuações pelo DETRAN, os militares observaram que o carro estava com muita lama, além da placa ser do Estado vizinho,  Mato Grosso -  que gerou suspeita aos policiais.

Ao observar que os militares realizavam abordagem ao veículo, o condutor ficou muito inquieto, o que aumentou o nível de suspeição dos militares. A partir disso, iniciou-se uma revista minuciosa no carro, em que foram encontradas 15 munições de calibre .22 e uma espingarda calibre 16 escondidos dentro do painel veicular. Além disso ainda foram encontradas uma faca e uma lanterna.

Diante dos fatos, foi dada voz de prisão ao agente pelo crime de embriaguez na direção de veículo automotor e porte ilegal de arma de fogo. O agente e os objetos apreendidos foram entregues na Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp) local.

 

 

FONTE: 3º Batalha da Polícia Militar

 

 


 


 

 COMENTÁRIOS
 

ATENÇÃO: Comentários ofensivos e que façam a apologia a crimes serão ocultados. O internauta do VILHENA NOTÍCIAS que se sentir ofendido pode requerer a ocultação do comentário. A Constituição Federal permite a publicação do livre pensamento de qualquer cidadão, desde que não seja de forma anônima, por isso, comentários provenientes de perfis "fake" ou "falsos" podem ser ocultados e bloqueados. Comente, compartilhe sua opinião, mas de forma moderada.