Notícia publicada às 10:21:17 - 20/10/2017 e lida: 299 vezes   
    
  
  
Pavimentação da rodovia de Pimenteiras avança e deve atingir 70% de conclusão até o final do ano
Ezequiel Neiva afirma que o governador Confúcio Moura quer deixar os 52 municípios asfaltados, até o final de 2018.

Pavimentação da rodovia de Pimenteiras avança e deve atingir 70% de conclusão até o final do ano
Pavimentação da rodovia de Pimenteiras avança e deve atingir 70% de conclusão até o final do ano
Foto: Assessoria

Por
Redação

O governo de Rondônia investe mais de R$ 32 milhões para o asfaltamento da BR-435 (antiga RO-399 e também conhecida como 4ª Eixo), rodovia de acesso ao município de Pimenteiras. O projeto está em ritmo avançado, com várias frentes de serviço: de drenagem, de terraplanagem; de aterro das cabeceiras da ponte do rio Santa Cruz; e na execução da capa asfáltica.

Dos 38 quilômetros de extensão da rodovia, a empresa contratada pelo Departamento de Estradas de Rodagem, Infraestrutura e Serviços Públicos (DER) deve encerrar o ano com 25 km de asfalto prontos. Ao detalhar a obra, o diretor-geral do DER, Ezequiel Neiva, explica que a empresa está perto de chegar aos 20 km de asfalto concluídos. As pontes de concreto dos rios Araras e Santa Cruz já estão prontas e uma delas (rio Araras) com aterro das cabeceiras encerrado.

“Alguns trechos precisam de drenagem e essa parte está bem avançada. As galerias e as pontes de concreto concluídas. Já puxamos terra para execução de sub-base e da base. Devemos encerrar o ano com cerca de 70% do projeto”, disse o empresário (Luiz Vergílio) responsável pela obra.

Ezequiel Neiva afirma que o governador Confúcio Moura quer deixar os 52 municípios asfaltados, até o final de 2018. Atualmente, ainda não tem acesso totalmente pavimentado apenas os municípios de Pimenteiras e Campo Novo, mas as obras estão em andamento.

 

Pavimentação da rodovia de Pimenteiras avança e deve atingir 70% de conclusão até o final do ano

 

FONTE: Assessoria

 

 


 


 

 COMENTÁRIOS
 

ATENÇÃO: Comentários ofensivos e que façam a apologia a crimes serão ocultados. O internauta do VILHENA NOTÍCIAS que se sentir ofendido pode requerer a ocultação do comentário. A Constituição Federal permite a publicação do livre pensamento de qualquer cidadão, desde que não seja de forma anônima, por isso, comentários provenientes de perfis "fake" ou "falsos" podem ser ocultados e bloqueados. Comente, compartilhe sua opinião, mas de forma moderada.