Notícia publicada às 10:56:19 - 20/09/2017 e lida: 945 vezes   
    
  
  
Suspeito de matar mãe e filho e jogar corpos em rio tem prisão temporária decretada
Suspeito está foragido e polícia pede que informações sejam passadas pelos telefones 190 ou 197.

Suspeito de matar mãe e filho e jogar corpos em rio tem prisão temporária decretada
Suspeito de matar mãe e filho e jogar corpos em rio tem prisão temporária decretada
Foto: Divulgação/Polícia Civil

Por
Redação

A justiça decretou a prisão temporário de Oclecio da Cruz Almeida de 40 anos, suspeito de matar a esposa Raiza Lima e o enteado Natã de apenas 05 anos. As vítimas foram encontradas com marcas de estrangulamento boiando no rio Machado na região de Castanheiras, na última segunda-feira, 18 de setembro.

Segundo o diretor de Polícia Civil do interior do estado, Arismar Araújo, Oclecio foi visto pela última vez por volta das 03h00 ainda de segunda, em Presidente Médici, com um veículo Santana, cor azul, placa NBE8071, de Cacoal.

O corpo do menino foi visto na água por um pescador que acionou a Central da Polícia Militar de Presidente Médici, e com a ajuda de mergulhadores do Corpo de Bombeiros de Rolim de Moura, retirou a criança do rio. Já a esposa do suspeito só foi encontrada às 19h00. Ambos tinham sinais de estrangulamento, segundo informou o perito de Ji-Paraná, Cleverson Esteves.

Um detalhe que chamou a atenção de Esteves é que Raiza estava sem a roupa íntima inferior. A polícia irá apurar se houve violência sexual.

Quem tiver informação sobre o suspeito do crime pode ligar no 190 da Polícia Militar ou 197 da Polícia Civil.

 

Leia também

Encontrada sem roupa íntima e com sinais de estrangulamento, mãe do garoto Natã passa por autópsia

Corpo de mãe do menino achado em Castanheiras, também é encontrado no Rio Machado

Polícia procura suspeito de sequestrar e matar criança encontrada boiando no Rio Machado

Corpo de criança com sinais de enforcamento é encontrado boiando no Rio Machado em RO

 

FONTE: VILHENA NOTÍCIAS

 

 


 


 

 COMENTÁRIOS
 

ATENÇÃO: Comentários ofensivos e que façam a apologia a crimes serão ocultados. O internauta do VILHENA NOTÍCIAS que se sentir ofendido pode requerer a ocultação do comentário. A Constituição Federal permite a publicação do livre pensamento de qualquer cidadão, desde que não seja de forma anônima, por isso, comentários provenientes de perfis "fake" ou "falsos" podem ser ocultados e bloqueados. Comente, compartilhe sua opinião, mas de forma moderada.