Notícia publicada às 19:55:53 - 03/09/2017 e lida: 5224 vezes   
    
  
  
Caminhoneiro é degolado em balsa na BR-364 após reclamar de tarifa
Reclamação pelo preço da tarifa deu início à discussão

Caminhoneiro é degolado em balsa na BR-364 após reclamar de tarifa
Caminhoneiro é degolado em balsa na BR-364 após reclamar de tarifa
Foto: Reprodução/Rondoniaovivo

Por
Redação

Foi identificado como Celso Ferreira de 47 anos, o caminhoneiro brutalmente morto na manhã deste domingo (03) na balsa que faz travessia para o Estado do Acre, no distrito de Abunã, em Porto Velho.

O corpo será transladado para a cidade de Guaratuba/PR. A vítima foi morta com 10 facadas e degolada. Celso trabalhava em uma empresa com matriz em Santa Catarina. O crime ocorreu por volta das 6h30.

Agentes da Polícia Civil procuram intensamente o acusado do crime, que não teve a identificação revelada.

 

Reclamação pelo preço da tarifa deu início à discussão

De acordo com informações de testemunhas, o caminhoneiro teria discutido e ofendido a caixa da balsa, motivado pelo preço da tarifa. O marido da mulher foi informado do ocorrido e enfurecido já chegou agredindo a vítima com um chute e, em seguida desferiu vários golpes de faca. Não contente, o suspeito degolou a vítima e fugiu. Os demais usuários ficaram bastante aterrorizados ao presenciarem o crime. 

O suspeito não foi preso.

 

 

FONTE: Rondoniaovivo

 

 


 


 

 COMENTÁRIOS
 

ATENÇÃO: Comentários ofensivos e que façam a apologia a crimes serão ocultados. O internauta do VILHENA NOTÍCIAS que se sentir ofendido pode requerer a ocultação do comentário. A Constituição Federal permite a publicação do livre pensamento de qualquer cidadão, desde que não seja de forma anônima, por isso, comentários provenientes de perfis "fake" ou "falsos" podem ser ocultados e bloqueados. Comente, compartilhe sua opinião, mas de forma moderada.