Notícia publicada às 09:02:33 - 09/08/2017 e lida: 3049 vezes   
    
  
  
Mulher é presa suspeita de matar idoso de 86 anos com superdosagem de medicamentos em Vilhena
A suspeita nega ter executado o crime, porém, na semana passada ela já teria dopado uma idosa em outra residência para furtar a casa da vítima.

Mulher é presa suspeita de matar idoso de 86 anos com superdosagem de medicamentos em Vilhena
Mulher é presa suspeita de matar idoso de 86 anos com superdosagem de medicamentos em Vilhena
Foto: Vilhena Notícias

Por
Redação

Uma mulher de 53 anos foi presa na noite de terça-feira, 8 de agosto, suspeita de ter matado o idoso José Bento Rosa, 86 anos, em sua casa no bairro Alto Alegre, em Vilhena. A mulher acionou o Corpo de Bombeiros informando que o idoso estava tendo um mal súbito, ao deslocar-se rapidamente ao local encontraram o idoso sem sinais de vida. Divergências na versão da mulher apontam que ela teria dopado o idoso com medicamentos para furtar sua casa.

À Policia Militar, a acusado contou que estava morando com o idoso desde o domingo, 13 de agosto, que nessa terça-feira ele passou mal e desmaiou. Deixou o idoso em casa e foi para um culto em uma igreja evangélica e quando retornou encontrou o idoso sem vida. O neto da vítima compareceu ao local e informou que o avô não tomava nenhum tipo de medicamento e que ia bem de saúde.

No momento em que a versão da suspeita era colhida, vizinhos relataram que ela teria pego medicamentos em um posto de saúde, dizendo que estava doente e que possivelmente teria matado o idoso com uma superdosagem de medicamentos. De acordo com os vizinhos, na semana anterior a mesma mulher teria se abrigado na casa de uma idosa de 74 anos, a dopado com medicamentos e furtado vários objetos de sua casa. A filha da idosa de 74 anos foi chamada pelos vizinhos e ao ver a suspeita confirmou a versão.

A mulher acabou confessando aos policiais que praticou a ação contra a idosa de 74 anos, mas negou que tivesse feito o mesmo contra José. Diante das suspeitas, a mulher foi presa em flagrante e apresentada na Delegacia de Polícia Civil da cidade, para prestar esclarecimentos ao delegado de plantão.

A Polícia Técnico-Científica (Politec) realizou perícia de criminalística no local e revelou que o idoso pode ter mesmo ter morrido por superdosagem de medicamentos, mas somente a autópsia, que será realizada por um médico legista, poderá confirmar se ele foi ou não envenenado. Se for confirmado que José morreu por conta da medicação, Vilhena terá registrado seu 28 º homicídio do ano.

Mulher é presa suspeita de matar idoso de 86 anos com superdosagem de medicamentos em Vilhena

 

FONTE: Vilhena Notícias

 

 


 


 

 COMENTÁRIOS
 

ATENÇÃO: Comentários ofensivos e que façam a apologia a crimes serão ocultados. O internauta do VILHENA NOTÍCIAS que se sentir ofendido pode requerer a ocultação do comentário. A Constituição Federal permite a publicação do livre pensamento de qualquer cidadão, desde que não seja de forma anônima, por isso, comentários provenientes de perfis "fake" ou "falsos" podem ser ocultados e bloqueados. Comente, compartilhe sua opinião, mas de forma moderada.