Notícia publicada às 10:54:31 - 18/05/2017 e lida: 3870 vezes   
    
  
  
Marcos Cabeludo vai à Câmara, mas é informado que só pode tomar posse com autorização da justiça
Suplente precisa de autorização da 1ª Vara Criminal para tomar posse como vereador

Marcos Cabeludo vai à Câmara, mas é informado que só pode tomar posse com autorização da justiça
Marcos Cabeludo vai à Câmara, mas é informado que só pode tomar posse com autorização da justiça
Foto: Renato Spagnol

Por
Renato Spagnol

Compareceu à Câmara Municipal de Vereadores de Vilhena, na manhã desta quinta-feira, 18 de maio, Antonio Marco de Albuquerque (PHS), o “Marcos Cabeludo” para pedir a relação de documentos a serem apresentados para o ato de posse.

Marcos Cabeludo deverá assumir a vaga do vereador cassado pela 4ª Zona Eleitoral de Vilhena, Carmozino Alves Moreira (PSDC), flagrado em escutas telefônicas com autorização da justiça, negociando tratamento de saúde a eleitores em troca de votos. O fato se refere às eleições municipais de 2016 quando foi reeleito.

Na saída, Marcos Cabeludo disse à reportagem do VILHENA NOTÍCIAS que foi até à Câmara para “oficializar, pegar os papéis para a posse”.

O gabinete da presidência da Câmara informou, que o ato oficializado até o momento refere-se apenas à convocação do suplente com base em determinação da Justiça Eleitoral, mas para que Marcos Cabeludo seja empossado como vereador é necessário que a juíza da 1ª Vara Criminal, Liliane Pegoraro Bilharva autorize o ato de posse.

“A justiça pode autorizar a posse dele [Marcos], mas ele não terá os poderes de vereador. Será o mesmo caso dos vereadores empossados com ordem judicial [Junior Donadon, Vanderlei Graebin e Carmozino Alves, este último cassado]. Tomaram posse, mas não assumiram o cargo”, disse o servidor da Câmara.

PRAZO FINAL

Marcos Cabeludo tem até o dia 30 de maio, para conseguir autorização da 1º Vara Criminal e tomar posse, caso contrário ele perderá o direito e o segundo suplente terá que ser convocado.

Se conseguir tomar posse, o vereador passará a receber o salário de R$ 8 mil por mês, mesmo não exercendo a função legislativa.

 

LEIA MAIS

Marcos Cabeludo é convocado para assumir vaga na Câmara; decisão é da Justiça Eleitoral

Vereador de Vilhena tem mandato cassado por negociar tratamento de saúde a eleitores

Juíza nega pedido de Vanderlei Graebin para retornar à Câmara de Vereadores de Vilhena

PF conclui inquérito e MP oferece denúncia a 6 vereadores indiciados no “Esquema dos Loteamentos”

Vice-prefeito Jacier Dias e vereador Marcos Cabeludo são presos pela Polícia Federal

 

 

FONTE: VILHENA NOTÍCIAS

 

 


 


 

 COMENTÁRIOS
 

ATENÇÃO: Comentários ofensivos e que façam a apologia a crimes serão ocultados. O internauta do VILHENA NOTÍCIAS que se sentir ofendido pode requerer a ocultação do comentário. A Constituição Federal permite a publicação do livre pensamento de qualquer cidadão, desde que não seja de forma anônima, por isso, comentários provenientes de perfis "fake" ou "falsos" podem ser ocultados e bloqueados. Comente, compartilhe sua opinião, mas de forma moderada.