Notícia publicada às 16:24:33 - 27/03/2017 e lida: 5178 vezes   
    
  
  
Sindsul convida população para carreata contra aprovação da Reforma da Previdência
Mobilização acontecerá nesta terça, 28. Um telão será montado para a transmição da votação.

Sindsul convida população para carreata contra aprovação da Reforma da Previdência
Sindsul convida população para carreata contra aprovação da Reforma da Previdência
Foto: Aline Rayane

Por
Aline Rayane

Nesta terça-feira, 28 de março, a PEC 287/16 que prevê a reforma da Previdência passará por votação pela Comissão Especial da Câmara, em Brasília.

Contra sua aprovação, o Sindicato dos Servidores Municipais do Cone Sul de Rondônia – Sindsul, realizará uma carreata no centro de Vilhena e convida toda a população para participar.

A manifestação terá início às 17h na Praça Nossa Senhora Aparecida, na Av. Major Amarante, qualquer tipo de veículo será permitido. Às 19h um telão será montado onde será transmitido a votação.

Em nota, o presidente Wanderley Ricardo Campos ressaltou, “Contamos com todos aqueles que acreditam que através da união podemos derrubar qualquer barreira”.

O ato faz parte de uma mobilização que acontecerá em todo o Brasil. Sindicatos e trabalhadores de vários estados do país pretendem se reunir em Brasília para pressionar os deputados federais e convencê-los a votarem contra a PEC.

Veja também: PARALISAÇÃO: protesto contra a reforma da Previdência reúne mais de 500 servidores municipais em Vilhena

Contra a Reforma da Previdência, Sintero realiza manifestação em frente ao INSS de Vilhena

 

 

FONTE: Vilhena Notícias

 

 


 


 

 COMENTÁRIOS
 

ATENÇÃO: Comentários ofensivos e que façam a apologia a crimes serão ocultados. O internauta do VILHENA NOTÍCIAS que se sentir ofendido pode requerer a ocultação do comentário. A Constituição Federal permite a publicação do livre pensamento de qualquer cidadão, desde que não seja de forma anônima, por isso, comentários provenientes de perfis "fake" ou "falsos" podem ser ocultados e bloqueados. Comente, compartilhe sua opinião, mas de forma moderada.