Notícia publicada às 14:44:46 - 02/01/2017 e lida: 8356 vezes   
    
  
  
Advogado pede que vereadores que faltaram às sessões percam os mandatos; assista vídeo na íntegra da sessão
Centenas de pessoas lotaram o plenário da Câmara para acompanhar os trabalhos legislativos. Alguns dos manifestantes chegaram a entoar gritos dizendo que 2017 é apenas uma continuidade de 2016 no tocante ao caráter dos vereadores.

Advogado pede que vereadores que faltaram às sessões percam os mandatos; assista vídeo na íntegra da sessão
Advogado pede que vereadores que faltaram às sessões percam os mandatos; assista vídeo na íntegra da sessão
Foto: Renato Spagnol

Por
Renato Spagnol

O ano de 2017 começou em ‘alta rotação’ no legislativo vilhenense. Duas tentativas de votação para a eleição do presidente, vice-presidente e 1º e 2º secretários da mesa diretora foram por ‘água abaixo’. A primeira tentativa que deixou a população frustrada ocorreu às 13h00 deste domingo, 1º de janeiro. Dos dez vereadores empossados para o quadriênio 2017/2020 quatro não compareceram à 1ª sessão extraordinária do ano.

Entenda o caso aqui: Após posse vereadores desaparecem e sessão na Câmara é cancelada por falta de quórum

O segundo episódio que inflamou ainda mais os ânimos dos vilhenenses, ocorreu às 09h00 desta segunda-feira, 02, quando a 2ª sessão extraordinária precisou ser adiada novamente por falta de quórum parlamentar. Os quatro vereadores que não compareceram à sessão precedente voltaram a não registrar presença na Câmara.

Revolta popular

Centenas de pessoas lotaram o plenário da Câmara para acompanhar os trabalhos legislativos. Alguns dos manifestantes chegaram a entoar gritos dizendo que 2017 é apenas uma continuidade de 2016 no tocante à ao caráter dos vereadores.

O advogado Caetano Neto também esteve presente na Casa de Leis. Após o encerramento da sessão, ele se dirigiu ao público e afirmou ser conhecedor das leis e garantiu que a ausência sem justificativa dos vereadores pode levar à perda de mandato.

“Faço uma observação legislativa. Já fui procurador de Câmara e de Assembleia Legislativa e digo que os vereadores que ontem se ausentaram justificando que foram atender uma colega que tinha tido um mal súbito, e, portanto, não permaneceram para a eleição, podem responder processo. Houve na rede social uma expressão ‘foragidos’. Mas, hoje eles não vieram, então eles estão foragidos sim”, disparou Caetano Neto.

O advogado ainda esclareceu o motivo pelo qual os suplentes não foram convocados para tomarem posse nos lugares dos vereadores presos Junior Donadon, Vanderlei Graebin e Carmozino Alves. Caetano Neto, disse que de acordo com o regimento interno da Câmara, apenas suplentes de vereadores empossados podem ser convocados e como o trio parlamentar preso ainda não tomou posse, a Casa de Leis não pode proceder com a convocação dos suplentes.

O causídico ainda sugeriu que os vereadores tomem medidas após a eleição da mesa diretora para mudar o regimento interno da Câmara, afim de facilitar as ações da Casa em casos como os últimos ocorridos no legislativo municipal.

Caetano Também ressaltou que qualquer vereador pode através de requerimento, abrir um processo com votação em plenário para a perda de mandato dos quatro vereadores que faltaram às duas sessões extraordinárias do dia 1 e 2 de janeiro. Ele também esclareceu que o princípio para a perda de mandato é o da quebra de decorro parlamentar.

“A casa para fazer isso precisa de altivez e coragem”, finalizou Caetano Neto.

Leia também: Vereadores não comparecem à sessão e clima “pega fogo” na Câmara

Sargento Suchi emite nota de esclarecimento sobre incidente ocorrido na Câmara de Vereadores de Vilhena

Assista a íntegra da 2ª sessão extraordinária de 2017.

 

 

 

FONTE: VILHENA NOTÍCIAS

ACESSE GANHE

 

 


 


 

 COMENTÁRIOS
 

ATENÇÃO: Comentários ofensivos e que façam a apologia a crimes serão ocultados. O internauta do VILHENA NOTÍCIAS que se sentir ofendido pode requerer a ocultação do comentário. A Constituição Federal permite a publicação do livre pensamento de qualquer cidadão, desde que não seja de forma anônima, por isso, comentários provenientes de perfis "fake" ou "falsos" podem ser ocultados e bloqueados. Comente, compartilhe sua opinião, mas de forma moderada.