Notícia publicada às 16:38:35 - 23/11/2016 e lida: 4909 vezes   
    
  
  
Eleitora diz que Jairo Peixoto se escondia atrás da igreja e sua pena será dura; veja vídeo
Vereador estava foragido há 30 dias.

Eleitora diz que Jairo Peixoto se escondia atrás da igreja e sua pena será dura; veja vídeo
Eleitora diz que Jairo Peixoto se escondia atrás da igreja e sua pena será dura; veja vídeo
Foto: Thalita Defacci

Por
Renato Spagnol

O vereador afastado Jaldemiro Dedé Moreira, popular Jairo Peixoto (PP) foi interpelado por uma eleitora minutos antes de entrar pelos portões de ferro da Casa de Detenção em Vilhena. Ele se entregou à polícia nesta terça-feira, 22 de setembro, após 30 dias de fuga.

A mulher que estava na delegacia para registrar uma ocorrência e que preferiu não ter sua identidade revelada, se dirigiu ao parlamentar e disparou: "Tu foi na minha casa pedir voto Jairo. Tem que mostrar a cara".

Ela que se diz uma eleitora enganada, ainda indagou Jairo Peixoto: "Onde tu tava [sic] escondido. Cadê a priminha [Marta Moreira]!? Se a pena dos outros vai ser difícil, a sua, a da Marta, a do Jacier que se escondiam atrás de uma igreja vai ser mais pesada ainda. Você sabe disso".

O vereador não respondeu aos questionamentos e após passar por alguns segundos de constrangimento, foi levado para a cela na companhia de outros vereadores já presos.

Jairo Peixoto foi eleito em 2012 com 978 votos, pelo Partido Progressista (PP), e não concorreu à reeleição em 2016. Em entrevista concedida à reportagem do VILHENA NOTÍCIAS em setembro deste ano, Jairo Peixoto disse que seu projeto era para ser vereador apenas por um mandato e por isso não concorreria a uma reeleição.

O parlamentar foi indiciado pela Polícia Federal – PF na operação conjunta com o Ministério Público Estadual – MPE, batizada ‘Tropa de Choque’ e poderá responder por lavagem de dinheiro e corrupção passiva. Ele estava foragido da justiça desde 22 de outubro, quando teve um mandado de prisão expedido em seu desfavor. A Câmara aprovou em votação unânime na sessão ordinária de 16 de novembro, a suspensão dos subsídios (salários) de todos os vereadores presos pela PF.

Leia também:

“Eu acredito na inocência” declara advogado de Marta Moreira e Jairo Peixoto

VIDA CLANDESTINA: Marta Moreira e Jairo Peixoto continuam foragidos

PF conclui inquérito e MP oferece denúncia a 6 vereadores indiciados no “Esquema dos Loteamentos”

Vídeo:

 

 

FONTE: VILHENA NOTÍCIAS

 

 


 


 

 COMENTÁRIOS
 

ATENÇÃO: Comentários ofensivos e que façam a apologia a crimes serão ocultados. O internauta do VILHENA NOTÍCIAS que se sentir ofendido pode requerer a ocultação do comentário. A Constituição Federal permite a publicação do livre pensamento de qualquer cidadão, desde que não seja de forma anônima, por isso, comentários provenientes de perfis "fake" ou "falsos" podem ser ocultados e bloqueados. Comente, compartilhe sua opinião, mas de forma moderada.