Notícia publicada às 09:15:10 - 16/11/2016 e lida: 9356 vezes   
    
  
  
Câmara aprova projeto que suspende pagamento de salários de vereadores presos e foragidos
Vereadores que tiveram salários suspensos podem recorrer da decisão.

Câmara aprova projeto que suspende pagamento de salários de vereadores presos e foragidos
Câmara aprova projeto que suspende pagamento de salários de vereadores presos e foragidos
Foto: Renato Spagnol

Por
Renato Spagnol

A Câmara Municipal de Vereadores de Vilhena, aprovou por unanimidade na 29º sessão ordinária, na manhã desta quarta-feira, 16 de novembro, o Projeto de Resolução 013/2016 que suspende o pagamento de subsídios (salários) dos vereadores Junior Donadon, Carmozino Alves, Antônio Marcos de Albuquerque (Marcos Cabeludo), José Garcia, Vanderlei Graebin que se encontram presos e de Jaldemiro Dedé Moreira (Jairo Peixoto) e Marta Moreira que estão foragidos da justiça. Todos foram indiciados Pela Polícia Federal – PF na Operação "Tropa de Choque", pela prática de corrupção e lavagem de dinheiro. Eles podem recorrer da decisão.

A autoria da resolução é dos vereadores Maria José da Farmácia (PSDB), Ernando Lucena (PTB), pastor Francis Godoy (PSC), Valdete Savaris (PPS), Leninha do Povo (PTB), Vera da Farmácia (PMDB) e Heloisa Bueno (PTdoB).

Na sessão ordinária presidida pela vereadora Maria José da Farmácia, também foi aprovado o requerimento 026/2016 da vereadora Vera da Farmácia (PMDB), que solicita ao prefeito em exercício que envie à Câmara, cópias do projeto, processo licitatório, documentos do desenvolvimento da obra, planilhas de custos e pagamentos efetuados referentes à Macrodrenagem. Obra foi orçada em R$ 25 milhões.

Leia: MACRODRENAGEM: Trecho de obra orçada em R$ 25 milhões é abandonada em Vilhena

Confira a íntegra da pauta:

Câmara aprova projeto que suspende pagamento de salários de vereadores presos e foragidos

Vilhenenses lotaram a Casa de Leis para acompanhar a aprovação do projeto que suspendeu os salários dos vereadores presos e foragidos.

Pauta da 29ª sessão ordinária.

 

FONTE: VILHENA NOTÍCIAS

 

 


 


 

 COMENTÁRIOS
 

ATENÇÃO: Comentários ofensivos e que façam a apologia a crimes serão ocultados. O internauta do VILHENA NOTÍCIAS que se sentir ofendido pode requerer a ocultação do comentário. A Constituição Federal permite a publicação do livre pensamento de qualquer cidadão, desde que não seja de forma anônima, por isso, comentários provenientes de perfis "fake" ou "falsos" podem ser ocultados e bloqueados. Comente, compartilhe sua opinião, mas de forma moderada.