EcoMassa


      Notícia publicada às 15:27:38 - 28/10/2016 e lida: 541 vezes   
    
  
  
Seminário Rural encerra em Colorado do Oeste
Após três dias de agenda extensa, encerrou na sexta-feira (21/10) o seminário rural em Colorado do Oeste.

Seminário Rural encerra em Colorado do Oeste
Seminário Rural encerra em Colorado do Oeste
Foto: Divulgação

Por
Redação

O encontro foi uma realização do Sebrae e contou com o apoio do Governo do Estado de Rondônia. Durante os três dias, o público pôde assistir a doze palestras e sete oficinas que trataram sobre agricultura, bovinocultura e encerrou com oficinas focadas na piscicultura. O evento que começou na quarta-feira (19/10) contou com público médio de 150 presentes entre as palestras da manhã que iniciavam às 9h e aconteciam de hora em hora até as oficinas que eram realizadas durante a tarde.

“Gostei de todas as palestras, mas como trabalho com gado leiteiro, me interessei mais foi do manejo de pasto. Apreendi muito e vou já conseguir colocar algumas dicas que o professor nos deu em prática. O Sebrae está de parabéns pelo seminário, para nós que vivemos do que o campo produz tivemos a oportunidade de apreender em todas áreas”, afirmou o agricultor Diego dos Santos.

No primeiro dia o seminário tratou da bovinocultura com palestras como: sistema e tecnologia do Balde Cheio, manejo sanitário com foco na febre aftosa, fertilização in vitro. “Planejamos atender a cada dia uma demanda da região, trazendo palestras relacionadas com as atividades já desenvolvidas”, disse o analista técnico do Sebrae, Ronaldo Halseld.

No segundo dia o seminário abordou a agricultura com palestras sobre os sistemas de irrigação e implementos agrícolas, reforma e recuperação de pastagem e práticas sustentáveis no cultivo do café. “Apreendi muito sobre a cultura do café, acho importante para o desenvolvimento econômico do nosso estado. Já fomos um grande produtor e temos que retomar a produção em Rondônia. Outro tema que é muito pertinente para nossa região foi o manejo do pasto, aqui temos muito a produção leiteira e também o gado de corte”, concluiu o estudante Ricardo Branco.

No terceiro dia as palestras abordaram a agricultura como o cultivo de citros e também horticultura e encerrou falando sobre piscicultura. “Tenho visto e muito em nossa região o crescimento das lâminas d’água em nossa região, mas percebo que alguns produtores ainda têm dificuldade no conhecimento técnico da alimentação e do cultivo dos peixes, e acredito que participou da palestra poderá auxiliar a desenvolver ainda mais a produção na nossa região”, disse a estudante Edineide da Silva Costa.

Além das palestras e oficinas especificas, o seminário contou com palestras dos agentes econômicos como Banco da Amazônia, Banco do Brasil e Sicredi. Os bancos apresentaram em números o quanto essas instituições estão ao lado do produtor como forma de fomentar e desenvolver a produção do homem do campo. Segundo o gerente geral do Banco do Brasil em Colorado do Oeste, Manoel Francisco, o banco trabalha com taxas diferenciadas para o homem do campo e é na verdade um grande fomentador econômico da agricultura na região. “Trabalhamos com taxas muito baixas, através de programas como Pronaf. Por isso o produtor que queira aumentar sua produção procure uma agência bancária, conheça as linhas de crédito e utilize como forma de solidificar e expandir a sua produção”, finalizou.

Um dos diferenciais do seminário foi sempre trazer profissionais técnicos que souberam aliar a carga teórica ao conteúdo prático. “É uma agenda extensa, três dias de palestras e oficinas. Mas procuramos pensar nas palestras da manhã trazer profissionais que aliassem teoria e prática, bem como as oficinas da tarde. Acho que este foi o diferencial, para mantermos um número positivo de mais de 100 pessoas durante o dia todo e todos os dias”, disse Halseld.

O diretor técnico do Sebrae aproveita também para agradecer a adesão de todos os parceiros na realização do seminário. “Tenho que agradecer a todos os parceiros, principalmente ao Governo do Estado, à prefeitura municipal, ao Emater, Banco do Brasil, Banco da Amazônia, à Associação de produtores rurais, ao sindicato rural, Embrapa, Idaron, Sedam, Ifro, Unir, Sicoob e Fiero. Todos foram importantes para o sucesso do seminário”, finalizou.

Para saber mais sobre as soluções do Sebrae para o seu negócio, acesse www.sebrae.ro ou ligue gratuitamente para 08000 570 0800.

 

 

FONTE: O Nortão

ACESSE GANHE

 

 


 


 

 COMENTÁRIOS
 

ATENÇÃO: Comentários ofensivos e que façam a apologia a crimes serão ocultados. O internauta do VILHENA NOTÍCIAS que se sentir ofendido pode requerer a ocultação do comentário. A Constituição Federal permite a publicação do livre pensamento de qualquer cidadão, desde que não seja de forma anônima, por isso, comentários provenientes de perfis "fake" ou "falsos" podem ser ocultados e bloqueados. Comente, compartilhe sua opinião, mas de forma moderada.