Notícia publicada às 18:49:55 - 02/10/2016 e lida: 40807 vezes   
    
  
  
VENCEU: Rosani Donadon recebe mais de 21 mil votos, mas precisará esperar decisões na Justiça
Decisão final agora cabe a Justiça.

VENCEU: Rosani Donadon recebe mais de 21 mil votos, mas precisará esperar decisões na Justiça
VENCEU: Rosani Donadon recebe mais de 21 mil votos, mas precisará esperar decisões na Justiça
Foto: Divulgação

Por
Kanitar Oberst

A candidata do PMDB, Rosani Donadon obteve a maioria dos votos em Vilhena, totalizando mais de 21 mil votos, segundo dados da Justiça Eleitoral. A divulgação dos votos da candidata foi divulgada nos painéis eletrônicos do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), porém separada da apuração normal, Eduardo Japonês (PV) aparece com 16.387 votos.

Até a edição dessa matéria haviam sido apuradas cerca de 99% das urnas, totalizando 58.255 votos apurados. 

Segundo, a Justiça Eleitoral neste caso, o candidato impugnado em teoria tem a maioria dos votos, o que se pode resumir que Rosani Donadon, se tivesse deferida teria sido eleita.

 Os votos da candidata do PMDB devem ser divulgados no início da tarde desta segunda-feira, 03 de outubro, como de praxe feito o TSE nas últimas duas eleições, para o caso de candidatos indeferidos.

 

O QUE ACONTECE AGORA

A coligação de Rosani Donadon deverá entrar com recurso junto ao TSE para que sua candidatura seja deferida e ela possa receber os votos, e no caso como foi a mais votada, assumir a cadeira de prefeita na gestão 2017/2020.

Caso, não ocorra nenhuma definição dos recursos até 19 de dezembro, o Justiça dará posse ao presidente da Câmara de Vereadores eleito pela Câmara em 1º de janeiro de 2017. E caso a decisão dos recursos no TSE e no STF, seja negativa para a Rosani, novas eleições deverão ser convocadas.

 

 

FONTE: Vilhena Notícias

 

 


 


 

 COMENTÁRIOS
 

ATENÇÃO: Comentários ofensivos e que façam a apologia a crimes serão ocultados. O internauta do VILHENA NOTÍCIAS que se sentir ofendido pode requerer a ocultação do comentário. A Constituição Federal permite a publicação do livre pensamento de qualquer cidadão, desde que não seja de forma anônima, por isso, comentários provenientes de perfis "fake" ou "falsos" podem ser ocultados e bloqueados. Comente, compartilhe sua opinião, mas de forma moderada.