EcoMassa


      Notícia publicada às 15:50:54 - 28/06/2016 e lida: 1007 vezes   
    
  
  
IBGE anuncia Processo Seletivo com mais de 7 mil vagas
Atuação ocorre em 550 municípios distribuídos nos 26 Estados Brasileiros e no Distrito Federal.

IBGE anuncia Processo Seletivo com mais de 7 mil vagas
IBGE anuncia Processo Seletivo com mais de 7 mil vagas
Foto: Ilustração

Por
Redação

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE anunciou por meio de publicação no Diário Oficial da União a realização de novo Processo Seletivo.

Sob responsabilidade da Fundação Cesgranrio este Processo Seletivo objetiva contratar temporariamente até 7.500 profissionais para a função de Agente de Pesquisas e Mapeamento.

Os selecionados devem atuar em 550 municípios distribuídos nos 26 Estados Brasileiros e no Distrito Federal, em jornadas de 40h semanais, com salário de R$ 1.250,00, acrescido ainda de auxílio alimentação e transporte.

Podem participar candidatos que tenham idade mínima de 18 anos, ensino médio completo, dentre outros requisitos mencionados no edital.

As inscrições devem ser realizadas entre os dias 21 de junho de 2016 a 19 de julho de 2016 no site da empresa organizadora www.cesgranrio.org.br. Nesta etapa é preciso efetuar o pagamento da GRU referente a taxa de inscrição no valor de R$ 30,00.

Para classificar os inscritos serão realizadas Provas Objetivas compostas de 60 questões sobre temas de Língua Portuguesa, Geografia, e Raciocínio Lógico. A previsão é que esta Prova aconteça no dia 04 de setembro de 2016 e tenha duração de quatro horas.

Este Processo Seletivo tem validade de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período a critério do IBGE.

Mais informações devem ser obtidas no edital completo no site, onde também é possível adquirir a Apostila Digital para te auxiliar nos estudos.

 

 

FONTE: Assessoria

ACESSE GANHE

 

 


 


 

 COMENTÁRIOS
 

ATENÇÃO: Comentários ofensivos e que façam a apologia a crimes serão ocultados. O internauta do VILHENA NOTÍCIAS que se sentir ofendido pode requerer a ocultação do comentário. A Constituição Federal permite a publicação do livre pensamento de qualquer cidadão, desde que não seja de forma anônima, por isso, comentários provenientes de perfis "fake" ou "falsos" podem ser ocultados e bloqueados. Comente, compartilhe sua opinião, mas de forma moderada.